Dia Mundial do Meio Ambiente: você sabe o que é TI Verde?

Veja seis dicas de como praticar o conceito na rotina do trabalho e trazer impactos positivos para o planeta

As tecnologias da informação e comunicação (TIC) tornaram-se indispensáveis para garantir a competitividade e reduzir os custos nas empresas. Porém, isso tem levado a um crescimento no número de dispositivos conectados e, como consequência, temos um aumento exponencial no consumo de energia, causando preocupações ambientais e suscitando discussões em torno da urgência de uma TI verde. Mas você sabe o que significa esta expressão? Em comemoração ao Dia Mundial do Meio Ambiente, 5 de junho, vamos falar como este conceito é bastante útil nas empresas e rotina de trabalho, trazendo impactos positivos na proteção e preservação do planeta.

“TI verde são ações que impactam positivamente nas dimensões econômica, meio ambiente e responsabilidade social (trilogia da sustentabilidade), tornando o uso dos recursos disponíveis de TI de forma consciente”, explica Irandir Pereira da Costa, que defendeu dissertação sobre o tema, durante o curso de Mestrado em Gestão Estratégica de Organizações, no Centro Universitário IESB.

De acordo com o autor, o conceito tem como escopo a integração entre os diversos setores econômicos e sociais na busca por soluções sustentáveis eficientes e transformadoras, seja na erradicação da pobreza, na redução de consumo dos recursos ambientais, na equalização dos recursos tecnológicos, nos recursos humanos, na inovação e infraestrutura, bem como nos fatores de consumo de energia elétrica e abastecimento de água.

Em sua pesquisa, ele revela o quanto estamos em um mundo onde a tecnologia está presente no dia a dia das pessoas e das organizações, mas grande parte das empresas ainda não têm o conhecimento do que seja TI verde ou como colocar a ideia em prática. “Há muitos desafios, um deles é a disseminação do conceito que abarca esse termo. É necessário difundir na sociedade brasileira os benefícios e resultados positivos que a TI verde pode trazer, não somente no ambiente de trabalho, mas, inclusive, nas residências, refletindo em todo um ecossistema. Outras barreiras são ausência de um comprometimento visível da alta administração nas organizações com o propósito da sustentabilidade, impactando negativamente na cultura organizacional, além da falta de investimentos e incentivos do poder público em energia renovável e descarte de resíduos”, avalia Irandir.

Ele destaca que os benefícios com a adoção das práticas de TI Verde são diversos. Apenas com reuniões realizados por meio de videoconferências, por exemplo, podemos contribuir na redução de emissão de Co2, economia de energia e redução de custos com espaço físico, impactando ainda na produção e compra de novos produtos”, orienta o autor, ao chamar atenção ainda para a metarreciclagem de peças, suprimentos e equipamentos de informática. “Essas práticas ajudam no reaproveitamento e descarte correto dos componentes nocivos ao ser humano e ao meio ambiente, além de poder ajudar comunidades que podem reaproveitar esses aparelhos até mesmo com atividades de ensino”, reforça Irandir.

Veja seis dicas do especialista de como implantar o TI verde na prática:

  • se for imprimir, imprima somente o necessário utilizando os dois lados do papel;
  • ao se ausentar do local de trabalho, desligue os equipamentos;
  • reutilize dispositivos que ainda possuem poder de processamento e desempenho para a realização das atividades;
  • ao comprar equipamentos, verifique o selo identificador do consumo energético e prefira aqueles que consomem menos;
  • nas organizações públicas, dê preferência às compras compartilhadas entre entidades;
  • na aquisição de produtos de TI, verifique se o fornecedor opta pelo recolhimento ao final do ciclo de vida do produto, uma vez que o fornecedor poderá realizar o descarte adequado e o reaproveitamento de peças e elementos metálicos.  

Dia Mundial do Meio Ambiente: 50 anos do movimento

O Dia Mundial do Meio Ambiente é comemorado anualmente em 5 de junho e tem como objetivo promover atividades de proteção e preservação do meio ambiente. A data foi escolhida porque no dia 5 de junho de 1972 foi realizada a Conferência de Estocolmo e serve como alerta à sociedade sobre os perigos de negligenciarmos a tarefa de cuidar do mundo em que vivemos.

Em 2022, completam-se 50 anos da Conferência de Estocolmo e tem como homenagem o resgate do tema de 1972, “Uma só Terra”, com foco na vida sustentável em harmonia com a natureza. O momento está sendo considerado como uma importante reavaliação do que as empresas e as pessoas podem fazer para solucionar os desafios ambientais que ameaçam nossa saúde, prosperidade, paz e o nosso planeta.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s